FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DE BENS, SERVIÇOS E TURISMO DO ESTADO DA BAHIA

Notícias

Presidente do Sistema Fecomércio-BA e deputado federal João Roma discutem cenário econômico pós-pandemia

Comércio
15 de maio de 2021

Dando continuidade à série de transmissões ao vivo no Instagram, o presidente do Sistema Fecomércio-BA, Carlos de Souza Andrade convidou, na terça-feira (09/06), o deputado federal João Roma (Republicanos-BA), para debater as “medidas no âmbito federal para mitigar efeitos da Covid-19 no comércio”. Durante o bate-papo, foram abordados assuntos como o cenário baiano econômico pós-pandemia, reforma tributária, inovação, corte no sistema S, créditos, entre outros.

O presidente Carlos de Souza Andrade afirmou que o deputado é um dos aliados do Sistema S no âmbito federal. “Nós temos acionado muito a câmara de deputados e um dos que estamos contando com o apoio e a participação efetiva é o deputado João Roma”, declarou durante os agradecimentos iniciais.

Devido à crise econômica mundial provocada pela pandemia do coronavírus, as contas públicas serão afetadas e o PIB brasileiro diminuirá. João Roma é um dos deputados federais defensores da reforma tributária para recuperar essas perdas. Ele justificou a importância e dificuldades para efetivar a reforma ainda em 2020. “O principal entrave do Brasil no momento é segurança jurídica. É uma questão que passa por dois principais assuntos: a questão trabalhista e tributária. A trabalhista eu vejo como pouca objetividade no tema. Essa forma subjetiva faz com que as empresas não saibam explicar quais são seus passivos. A tributária afeta diretamente no nosso pacto cidadão.  O nosso povo paga muito imposto, mas não percebe o que está pagando. Essa reforma teria um marco civilizatório muito importante no Brasil. Porque ela traz objetividade para as coisas”.

O deputado João Roma também é presidente da comissão especial que analisa o marco legal das startups no Brasil, estabelecendo medidas de estímulo à criação dessas empresas. As startups são habilitadas para desenvolver produtos ou serviços a partir de um modelo de negócio inovador, de base tecnológica e com potencial de rápido crescimento.

Questionado pelo presidente Carlos Andrade sobre a importância da inovação para a economia do Brasil, Roma avaliou que é fundamental, embora seja um dilema, que segundo ele o estado não consegue dominar. “Especialmente no comércio que as relações mudam completamente”, citou exemplificando os consumidores em loja e virtuais. “Às vezes a pessoa chega na loja física, experimenta, tira a foto do produto e vai na internet comprar mais barato. Então são dilemas que vem do paradigma tecnológico que não temos como escapar disso. O que nos cabe é nos capacitar, tentar estar na vanguarda desses acontecidos para que a gente consiga encontrar a melhor face dessa estrutura tecnológica”, concluiu o deputado.