FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DE BENS, SERVIÇOS E TURISMO DO ESTADO DA BAHIA

Notícias

Sesc Bahia realiza uma série de oficinas gratuitas sobre dramaturgias

Comércio
15 de maio de 2021

Nos meses de maio e junho o Sesc Bahia realizará a edição 2021 do Sesc Dramaturgias – projeto que oferece oficinas de Leituras Dramatizadas, Escrita Dramatúrgica, Dramaturgia do Ator, da Dança, da Luz e do Circo, entre outras, com o objetivo de valorizar a relação de artistas, profissionais e iniciantes com as diferentes esferas e possibilidades da dramaturgia.  Ao todo serão oito oficinas realizadas em plataformas on-line, com inscrições gratuitas e que podem ser feitas até o dia 9 de maio através dos links disponíveis nas redes sociais da instituição.

 

Dramaturgia da dança, do circo, da atuação, da escrita e leituras dramatizadas serão os temas abordados nesta edição, que traz como convidados profissionais renomados na área das artes cênicas residentes em diferentes estados como Bahia, Minas Gerais, Paraíba, Rio de Janeiro e São Paulo. São eles: Guilherme Fraga (MG/BA), Mestre em Dança e artista com experiência em docência, criação e cena, com a oficina “Solos de Dança: entre história e composição”;  Marcelo Galvão (BA), Professor, coreógrafo, dançarino e pesquisador, com a oficina “Orquestração corporal para uma dança a dois”; Diocélio Barbosa (PB), ator, palhaço, circense, diretor, pesquisador e professor , com a oficina “Poéticas da Dramaturgia Circense”; Rita Clemente (MG), atriz, diretora e dramaturga, com experiência em teatro e incursões em cinema e televisão, com a oficina “Processo Criativo: Solo, Sim! Monólogo, Não”;

Fernando Santana (BA), ator, dramaturgo, diretor, figurinista, além de também atuar como cenógrafo e maquiador, com a oficina “Iná Ikannú (fogo e fúria)”; Isis Baião(RJ), jornalista, escritora, dramaturga e roteirista, com a oficina “Esquetes de Humor”; Silvia Gomez(MG), jornalista, dramaturga e roteirista, com a oficina “Pequena jornada pergunta adentro: qual é a dramaturgia da sua inquietação?”; e Joice Aglae (BA), atriz, diretora teatral e dramaturga, com a oficina “Leitura dramática”.

 

As vagas são limitadas e os interessados devem ficar atentos aos pré-requisitos para participar de cada oficina. Os selecionados serão informados via e-mail cadastrado no ato da inscrição. Acesse as redes sociais do Sesc Bahia e saiba mais sobre as atividades ofertadas pela instituição!

Instagram – @sescba | Facebook – facebook.com/sescbahia

 

Serviço

SESC DRAMATURGIAS – Oficinas gratuitas

 

DRAMATURGIA DA DANÇA

 

Solos de Dança: entre história e composição | Guilherme Fraga (MG/BA) | Carga-horária: 20h 

Sinopse: Esta oficina possui caráter teórico-prático e se propõe a fomentar o desenvolvimento de criações em dança no formato solo. Compreendendo a existência de um processo de retroalimentação constante entre coreografia e dramaturgia, busca-se (re)conhecer procedimentos compositivos e noções históricas a fim de transbordá-los na construção de novas escritas e sentidos. A ação se configura como o ponto de partida para a criação de estruturas e desenvolvimento de projetos individuais. 

Ministrante: Guilherme Fraga é artista da dança com experiência em docência, criação e cena. Como intérprete-criador, integrou o elenco do Grupo Êxtase (2010-2013), Good-Looking (2015) e desde 2017 faz parte da Katharsis Cia de Dança e Coletivo Casa 4, do qual é cofundador. Foi professor regular na Escola de Dança da FUNCEB (2014-2018) e atualmente trabalha na Rede Municipal de Ensino de Salvador e em estúdios de dança. É bacharel e licenciado em Dança pela UFV, Mestre em Dança pela UFBA e possui Licence 3 em Arts du Spectacle – Danse pela Universidade Paris 8. 

Data: 17 a 28 de maio (seg a sex) 
Horário: 10h às 12h 
Público-alvo: Estudantes e Profissionais na área da dança 
Materiais necessários: Celular/Computador com aplicativo Zoom, caixinha de som (se possível), papel e caneta. 

Link para inscrição: http://bit.ly/solosdedança

 

Orquestração corporal para uma dança a dois | Marcelo Galvão (BA) | Carga-horária: 20h 

Sinopse: Com o objetivo de criar um vídeo dança pela ótica da câmera do seu celular, o artista Marcelo Galvão com suas produções de videoarte, dança de salão e experimentos de outros artistas irá compartilhar a oficina orquestração corporal para uma dança a dois, onde traz a ideia de trocar e experimentar provocações entre dança e audiovisual com a perspectiva de criar, registrar e editar experiências compartilhadas. 

Ministrante: Marcelo Galvão é graduado em Licenciatura em Dança pela UFBA, integrante do Coletivo CASA 4 que desenvolve trabalhos artístico com base na dança de salão e em seu referencial de investigação e composição na contemporaneidade da dança. 

Data: 31 de maio a 11 de junho (seg a sex)  

Horário: 18h às 20h  

Público-alvo: Interessados acima de 16 anos 

Materiais necessários: Celular com câmera para experimentos em vídeos.  

Link para inscrição: http://bit.ly/oficinadançaadois

 

 

DRAMATURGIA DO CIRCO 

Poéticas da Dramaturgia Circense | Diocélio Barbosa (PB) | Carga-horária: 20h

Sinopse: A oficina pretende abordar a pluralidade das teorias e dos processos de composições dramatúrgicas especificamente no que tange às criações circenses.  Como também apontar possíveis trajetos criativos que visam convidar o público a experiências atravessadoras. O participante trabalhará os aspectos teórico-reflexivos experimentando em termos práticos a partir de uma nota de intenção, enviada no ato da inscrição, que venha refletir o seu desejo de criar ou revisitar uma obra. A intenção é que com esta metodologia o participante saia da vivência com um dossiê repleto de ideias, provocações, imagens e inquietações que possam vir a alimentar o seu trajeto de criação dramatúrgica.

Ministrante: Diocélio Barbosa atua no campo das artes cênicas como ator, palhaço, circense, diretor, pesquisador, professor e produtor cultural. Já desenvolveu trabalhos artísticos na Argentina, Chile, Portugal e França. Atualmente é Doutorando em Artes Cênicas (UFBA). Possui formação superior em Dramaturgia Circense pelo Centre des Arts du Cirque (CNAC/França). Atuou como Gerente de Circo do Estado da Paraíba. É artista e fundador da Trupe Arlequin de Circo Teatro. Coordena as atividades da produtora Arlequino Produções e do Festival Internacional Balaio Circense.

Data: 24 de maio a 4 de junho (seg, qua e sex - aulas síncronas / ter e qui – aulas assíncronas)  
Horário: 18h às 20h  
Público-alvo: Realizadores profissionais das artes circenses.  
Materiais necessários: O participante precisa ter celular e/ou computador e conhecer os princípios básicos para uso desses equipamentos, com o aplicativo Google Meet. Papel e lápis. Uma conta no gmail onde serão compartilhados arquivos e dinâmicas pelo google drive. E acima de tudo ter disponibilidade integral para a realização de todas as etapas da vivência. 
Link para inscrição: http://bit.ly/dramaturgiacircense

 

DRAMATURGIA DA ATUAÇÃO 

Processo Criativo: Solo, Sim! Monólogo, Não | Rita Clemente (MG) | Carga-horária: 20h 

Sinopse: Com o objetivo de criar ferramentas para o desenvolvimento de uma dramaturgia de atuação, o curso pretende abordar a dramaturgia autoral de forma prática e teórica em 3 etapas/fases, a partir de princípios sobre a composição de um solo que admita interlocuções expandidas e dialógicas, mesmo que haja apenas um ator. 

Ministrante: Rita Clemente é uma das principais referências da cena teatral mineira na atualidade. Destacada atriz, diretora e dramaturga, com experiência em teatro e incursões em cinema e televisão, tem se dedicado à pesquisa de criação contínua em Belo Horizonte há 30 anos, com notável reconhecimento de público e crítica em seus trabalhos.  

Data: 31 de maio a 11 de junho (seg a sex)  

Horário: 18h às 20h  

Público-alvo: atores profissionais ou semiprofissionais, em processo de reciclagem (mínimo de 16 anos); atores em formação (mínimo de 16 anos); grupos de teatro, com atores de formação mista. 

Link para inscrição: http://bit.ly/processocriativosolo

 

DRAMATURGIA DA ATUAÇÃO E ESCRITA 

Iná Ikannú (fogo e fúria) | Fernando Santana (BA) | Carga-horária: 10h 

Sinopse: Oficina de Dramaturgia e Atuação que promoverá exercícios de improvisação, expressão corporal e dramaturgia. Esse encontro abrange também preparação vocal para a cena e princípios da Mímica Corporal Dramática. Como conclusão da oficina, cada participante terá um texto teatral produzido por si próprio e que será apresentado e debatido por todos os presentes da oficina e convidados. 

Ministrante: Fernando Santana é ator, dramaturgo, diretor, figurinista, além de também atuar como cenógrafo e maquiador. É formado em Interpretação Teatral pela UFBA, membro do Colectivo Âmbar – rede de artistas da América Latina e ex-líder comunitário. Atuou e permanece ativo em espetáculos, tais como: Namíbia, Não!, Mesmo Sem Te Tocar, Golpes no Ventre, Algum Lugar Depois do Fim do Mundo, Frida Kahlo, dentre outros. 

Turma 1: 

Data: 17 a 21 de maio (seg a sex) 

Horário: 18h às 20h 

Turma 2: 

Data: 24 a 28 de maio (seg a sex) 

Horário: 18h às 20h 

Público-alvo: Profissionais ou amadores das artes cênicas, a partir de 16 anos. 

Materiais necessários: Um espaço amplo e reservado que não impeça sua própria fluidez de movimentos, notebook ou caneta e papel para a escrita, roupas leves, água. 

Link para inscrição: http://bit.ly/oficinafogoefuria

 

ESCRITA DRAMATÚRGICA 

Esquetes de Humor | Isis Baião (RJ) | Carga-horária: 20h 

Sinopse: Fazer teatro é uma maneira de expressar a vida e ser feliz. É colocar no papel e depois, em cena, fantasias, desejos, sonhos, indignações e críticas ao estabelecido. É transgredir. É brincar, seriamente, de refazer a vida. E fazer teatro com humor é brincar com mais prazer, porque o humor, como disse Leon Eliachar, é uma maneira de “fazer cócegas no raciocínio dos outros”. Podemos dizer também que o humor é uma visão (inteligente) de mundo, das pessoas, dos fatos. Fazer humor é rir do Rei. 

Ministrante: Isis Baião, residente em Teresina (PI), é jornalista, escritora, dramaturga e roteirista. Formou-se em Jornalismo pela PUC/RJ, em 1970. Estreou na autoria teatral em 1978, com Instituto Naque de Quedas e Rolamentos, no Rio de Janeiro, onde viveu 48 anos. Tem quatro livros de teatro editados e trabalhos em outros mais, destacando-se nesta área os volumes 1 e 2 do “Teatro (In)Completo de Isis Baião”, que contêm parte significativa de sua dramaturgia. Com a peça Mont-de-Piétè (Casa de Penhores no original), foi um dos sete dramaturgos no mundo agraciados pelo 1997 Onassis International Cultural Competitios – Theatrical Plays, em Athenas-Grécia. 

Data: 24 de maio a 04 de junho (seg a sex) 

Horário: 18h às 20h 

Público-alvo: Não há exigência de que o participante seja iniciado na escrita dramática, mas que tenha a prática ou goste de escrever. 

Materiais necessários: Papel e caneta ou lápis para anotações. Leitura de textos a serem encaminhados antes do início da oficina.  
Link para inscrição: http://bit.ly/esquetesdehumor
 
Pequena jornada pergunta adentro: qual é a dramaturgia da sua inquietação? | Silvia Gomez (MG) | Carga-horária: 20h 

Sinopse: Neste curso para quem quer escrever para teatro, a meta é explorar a ideia de singularidade, busca inspirada pela leitura e análise de trechos de peças nacionais e internacionais reconhecidas e apoiada em exercício de escrita. Nos encontros, que terão parte do tempo dedicada à leitura das produções criadas pelos participantes em aula, serão abordados conceitos como forma, gênero, pulsão e tensão.  

Ministrante: Silvia Gomez é jornalista, dramaturga, roteirista e dá aulas de dramaturgia desde 2017. Tem peças traduzidas para o espanhol, francês, sueco, alemão, inglês, italiano e mandarim. Seu texto “Mantenha fora do alcance do bebê” venceu os prêmios de melhor dramaturgia APCA 2015 e Aplauso Brasil 2015. Em 2019, “Neste mundo louco, nesta noite brilhante” foi indicado ao prêmio Shell de Teatro. Em 2021, estreou a obra híbrida on-line “A Árvore”.  

Data: 07 a 18 de junho (seg a sex)  

Horário: 18h às 20h  

Público-alvo: estudantes e profissionais interessados pela escrita de dramaturgia.  

Materiais necessários: Leitura de textos a serem encaminhados antes do início da oficina.  

Link para inscrição: http://bit.ly/dramaturgiadainquietacao

 

LEITURA DRAMATIZADA 

Leitura dramática | Joice Aglae (BA) | Carga-horária: 20h 

Sinopse: O curso visa trazer a possibilidade de trabalhar com a criação de leitura dramática a partir da análise de texto com metodologia da Análise Ativa de Stanislavski, via Nair D’Agostini. Desse modo o curso oferece não somente um exercício cênico, mas uma instrumentalização para os integrantes do grupo que irá se formar, que poderão aplicar o mesmo encaminhamento para suas criações posteriores. 

Ministrante: Joice Aglae é atriz, diretora teatral e dramaturga. Fundadora da cia Buffa e Teatro. Professora do PPGAC e Escola de Teatro da UFBA. Trabalha na área de preparação de corpo para a cena por meio das culturas populares, Máscara (palhaço/a, bufão/bufona, commedia dell’arte), direção teatral. 
Data: 07 a 18 de junho (seg a sex) e 19 de junho (sab) 

Horário: 18h às 20h 

Público-alvo: Maiores de 16 anos, com experiência em teatro. 

Materiais necessários: Papel, caneta ou lápis; acessórios que serão utilizados na leitura dramática. 

Link para inscrição: http://bit.ly/leitura_dramatica